Powered by WP Bannerize

Powered by WP Bannerize

Ladário-MS, 3 de março de 2014


Escolas do grupo especial são as atrações desta segunda em Corumbá

Postado em 3 de março de 2014 por Pérola News há 4 anos


O desfile das escolas de samba do grupo especial é a grande atração desta segunda-feira (03) no Carnaval Cultural de Corumbá. Cinco agremiações se apresentam a partir das 20h30 na Passarela do Samba, em busca do título de melhor escola do carnaval corumbaense: Acadêmicos do Pantanal. Marquês de Sapucaí, Mocidade Independente da Nova Corumbá, Império do Morro e A Pesada.

A expectativa é de um grande público e mais uma noite de espetáculo proporcionado pelo melhor carnaval do interior brasileiro realizado pela Prefeitura de Corumbá, so b coordenação da Fundação de Cultura, eque está envolvendo diversos órgãos da administração corumbaense como a Fundação de Turismo, Coordenadoria de Segurança, Agetrat, Secretarias de Saúde, de Assistência Social, de Indústria e Comércio, de Infraestrutura, Fundação de Cultura, Fundação do Meio Ambiente, Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Liga Independente das Escolas de Samba de Corumbá (Liesco) e a parceria do Governo do Estado, bem como apoio de outras instituições que contribuem para o crescimento da festa.

A segunda-feira reserva também outros atrativos como o Jardim da Folia que será aberto ao público às 18 horas, na Praça Independência. No local, os atrativos são a Exposição de Fotografias: Carnaval de Todos os Tempos, além de apresentações com bandas locais. Já após o desfile, na estrutura montada na Praça Generoso Ponce, o show que vai até as primeiras horas da manhã de terça-feira.

Buscando o bí

Campeã em 2013, A Pesada será a última escola a se apresentar nesta segunda-feira, em busca do bicampeonato. Fundada em 06 de janeiro de 1970, a agremiação amarelo, azul, branco e rosa se apresenta com 1.200 componentes distribuídos em 17 alas, seis carros alegóricos e uma bateria com 130 ritmistas, tendo como rainha, Samya Cristine de Arruda Ibarra.

Este ano a agremiação conta a história de seu presidente, Neidival Colombo com “Ney Colombo – O Último dos Moicanos no Carnaval Corumbaense”. O samba foi composto por Paulo César ‘Uig’, e será interpretado por José Cosme e Comissão, e Vanessa Marron. A escola foi criteriosamente preparada pelo carnavalesco Roberto Barrios Padilha, o Betinho. A porta-bandeira é Ana Paula, e o mestre-sala, Élinho.

A Império do Morro é outra atração da festa. Vai para a Passarela do Samba para mostrar o porque de ser considerada uma das grandes escolas de samba de Corumbá. Fundada em 15 de agosto de 1.958, a verde e rosa desfila com 1.300 componentes, distribuídos em 12 alas, cinco carros alegóricos e uma bateria com 160 ritmistas. A rainha é Andréa Vital.

Presidida por Fernando de Souza Pinto, a Império tem uma comissão de carnavalescos formada por Manoel Fernandes Aguilar, o Manoelzinho; Kiro, e Cleverson “Tumtum”. Vai para a avenida falar de amor com o enredo “Sou verde e rosa, Império eu sou….na passarela pode me chamar de amor…”.

“A Império canta o Amor”, composição de Pedrão, é o samba que promete embalar a Passarela, interpretada por Ninho. A porta-bandeira é Mari, e o mestre-sala, Juruna.

Mocidade Independente da Nova Corumbá é a terceira a se apresentar nesta noite de carnaval. Fundada em 22 de junho de 1.999, a verde, vermelho e branco se apresenta com 1.200 componentes distribuídos em 12 alas, cinco carros e uma bateria com 130 ritmistas. A rainha é Edna Pacheco; porta-bandeira é Graziela Almeida, e o m estre-sala, Edelton Amorim. Os carnavalescos são Ricardo Vilalva e Frans Fabian.

A escola leva para a Passarela do Samba o enredo “A Saga do Cavalo Pantaneiro” e contar a trajetória feita de Poconé até Corumbá por Nheco Gomes da Silva em um cavalo pantaneiro. O samba é uma composição de Marcos César, Geraldo Albaneze e Sandro Nemir. Será interpretado por Braguinha da Mocidade.

Segunda escola a passar desfilar pela Passarela é a Marquês de Sapucaí, fundada em 29 de fevereiro de 1.988 nas corres verde, lilás, branco e amarelo. Se apresenta com 900 componentes distribuídos em 15 alas, cinco carros e uma bateria com 80 ritmistas. A rainha é Jaqueline. A porta-bandeira é Viviane, e o mestre-sala, Luiz Vieira.

A escola é presidida por Odeti Brinckler de Oliveira Bueno. O carnavalesco é Ramão. Este ano, o enredo é “Vim a Corumbá mostrar que o Rio é Grande e se é Grande, é do Sul… Tem gaúcho no samba tchê!”, que tem samba como composição de Bira PQD, Dedé e Trovão. Será interpretada por Bira PQP e Wellington.

Quem abre o desfile é a Acadêmicos do Pantanal. Escola fundada em 25 de julho de 2001 nas cores verde, branco, azul e amarelo, se apresenta com 1.200 componentes, distribuídos em 12 alas, cinco carros alegóricos, bateria com 100 ritmistas. A rainha é Vanessa Almeida. Porta-bandeira, Deyse, e o mestre-sala, Marcelo.

A escola apresentará um enredo que fala sobre o jogo do bicho, com o “Se eu sonhar com alegria, aposto em você”. O samba foi composto por Marcos César e será interpretado por Flávio Pantanal.

 

Por: Da Redação


Busca

Publicidade





Todos os direitos reservados a Jornal Pérola do Pantanal News www.perolanews.com.br / Tel. (67) 99254-9537
E-mail: jornalperola@ibest.com.br / End.: Rua Castro Alves, nº 60, Bairro Boa Esperança, Ladário-MS, CEP: 79370-000

Jornalista: Douglas Assad Arruda
MTB nº 1631/MS
Site desenvolvido por Matheus S. Nascimento